Notas de Prensa de IBEROSTAR Hoteles & Resorts

Iberostar HOTELS & RESORTS AUMENTOU SEU FATURAMENTO EM 10% DURANTE 2012

Iberostar Hotels & Resorts faturou mais de 1 bilhão de euros em 2012, 10% a mais em relação ao ano anterior, graças à sua implantação internacional e à ampla diversificação de seus mercados emissores.
Em 2013 a rede Iberostar Hotels & Resorts prevê um investimento de 83 milhões de euros na construção de seu primeiro hotel no Pacífico mexicano e na reforma de vários hotéis do portfólio.

Iberostar Hotels & Resorts encerrou o exercício de 2012 com um faturamento de 1,047 bilhão de euros, 10% a mais em relação a 2011. A empresa concluiu o ano com excelentes resultados graças à sua implantação internacional, assim como pela diversificação de seus mercados emissores. Esses resultados demonstram a solidez da empresa, que mantém a tendência positiva dos últimos anos, tanto em receitas quanto em resultados.

A empresa continua apostando firmemente na qualidade, melhorando de forma contínua os produtos e serviços. Tal compromisso reflete-se no elevado índice de satisfação dos clientes, atingindo em 2012 uma percentagem de repetição de 42%, o que demonstra um alto grau de fidelização à marca.

A cadeia hoteleira espanhola, presente em 16 países e com 21mil funcionários em todo o mundo, consolida-se como uma das líderes da indústria hoteleira para férias.

 

Resumo 2012

Em 2012 a Iberostar Hotels & Resorts prosseguiu com a política de consolidação dos projetos iniciados no ano anterior, destacando-se a abertura do hotel Iberostar Cancún, que eleva para nove a oferta de estabelecimentos Iberostar no México.

No último mês de julho, a Iberostar, junto com um grupo de investidores, adquiriu 100% da participação da Thomas Cook em seus cinco estabelecimentos na Espanha já operados pela cadeia em regime de gestão (Royal Cupido, Royal Cristina e Royal Playa de Palma, em Maiorca, e Royal Andalus e Andalucía Playa, em Cádis). A operação, que atingiu 94 milhões de euros, também incluiu a aquisição de um Clube de Golfe com dois campos de 18 buracos (Club de Golf Novo Sancti Petri).

Além disso, ao longo do ano passado, a empresa desenvolveu diferentes atividades de prospecção e estudo de possíveis oportunidades de crescimento em capitais européias e latino-americanas. Cada um desses projetos foi avaliado cautelosamente com o objetivo de entrar de forma paulatina, porém firme, no segmento urbano-férias.

No âmbito internacional, um dos fatores-chave da cifra de faturamento alcançada pela Iberostar foi o comportamento positivo dos hotéis no Caribe. A procura por esses hotéis aumentou em 2012, graças ao bom comportamento dos mercados dos Estados Unidos, Canadá, Cone Sul e Europa.

 

Projetos 2013

A empresa prevê efetuar um investimento total de 83 milhões de euros em 2013, que permitirá reforçar de maneira qualitativa o portfólio da marca, assim como entrar em novos destinos.

Por um lado, a empresa continuará apostando naqueles destinos onde já está implantada. No México, a Iberostar abrirá no final do ano um hotel em Litibú (norte de Puerto Vallarta). Com categoria de 5* e 450 quartos, o Iberostar Playa Mita será o primeiro hotel da cadeia no Pacífico mexicano e se converterá no décimo estabelecimento Iberostar nesse país. De forma complementar, a cadeia hoteleira espanhola reformará em 2013 o Iberostar Cayo Coco, o Iberostar Daiquiri e o Iberostar Taínos, consolidando sua oferta hoteleira em Cuba que passa a contar com um total de 10 hotéis.

A Iberostar também prevê começar, em 2013, as obras de construção do complexo que foi projetado em Cartagena das Índias (Colômbia), que contará com 400 quartos e será categoria cinco estrelas.

Na Espanha, a cadeia continuará com sua política de investimento para melhorar suas instalações hoteleiras. Este ano destaca-se a reforma integral do Iberostar Jardín del Sol Suites (Maiorca) e de todos os quartos do Iberostar Isla Canela (Huelva).

Por outro lado, a empresa incrementará a procura de oportunidades de expansão nas principais capitais turísticas internacionais com o objetivo de continuar introduzindo-se, de forma gradual, no segmento urbano-férias.